A vida seria um erro, se não existisse a música(Nietzsche). A vida é um erro, mas a música atenua este erro(O Caveira)

Isso, abaixo, seria a vida após a morte?

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Paulo Sérgio





















Tenho postado muitas músicas do Paulo Sérgio. Contudo, creio que grande parte dos que me dão a honra de acompanhar meu humilde blog, não sabem de quem se trata.

Tanto no perfil de blogger, como em alguns posts, revelei que uma das  minhas características é a monomania. Herdei isso da minha mãe e da minha avó materna, que eram até mais radicais que eu, se bem que ambas não se enveredaram por artistas, ou outras coisas, a monomania das mesmas foi focada entre as pessoas, preferências, bem mais que explícitas e radicais, por determinados familiares...

No começo da adolescência, surgiram em mim duas idéias fixas paralelas: futebol e ônibus. Eu queria ser jogador e motorista de ônibus, mas prevaleceu mais o desejo de ser motorista de ônibus. Fui também acometido da minha segunda paixão, paixão amorosa, por uma menina, um ano mais nova do que eu, descendente de árabes. Eu tinha 12 anos. O ano era 1968.

Mas, as idéias fixas não me deixaram em paz, ao ver uma foto de uma mulher, de mini saia, de pé, com as pernas abertas, fiquei maluco(rs). Seu nome; Raquel Welch. Bem, quem estiver interessado em saber o que sinto por ela, olhe meu outro blog: beldadesdocinema.blogspot.com.

No mesmo ano que conheci Raquel Welch(1969), eu estava a escutar o rádio. Uma música, tipo um iê, iê, iê, do Roberto Carlos, me chamou a atenção; gostei muito dela, que tinha um arranjo com muitos metais, um piano agressivo, um batido forte de bateria, e uma letra hilariante, de um sujeito que, com ânsias de encontrar com sua amada, desrespeitava todas as leis do trânsito, tendo ainda a audácia de dizer: "eu não sou aloprado, sou apaixonado pelo meu amor..." O cantor era o Paulo Sérgio. Pedi que meus pais comprassem o disco. Eu queria um compacto simples(single), mas meu pai disse que só conseguiu o LP, que tinha de bônus, um compacto simples, com o sucesso "Minha Madrinha" e do outro lado um pout pourri dos sucessos antigos do cantor. Notei que já conhecia tais músicas, não sabendo que eram gravações dele, e gostei mais delas que das do LP. À partir daí, fiquei fã do cantor.
Me identifiquei muito com ele. Na minha casa tinha dois discos do Roberto Carlos e alguns discos estrangeiros; eu gostava deles, mas quase não os escutava. Todo dia era 'sagrado', escutava Paulo Sérgio. A empregada de nossa casa, bem geniosa, contudo, até que não exagerou quando disse algo assim, para uma visita: 'eu gosto das músicas do Paulo Sérgio, mas escutar todos os dias a mesma música, enjoa..."rs. E, naquela época, o cantor havia gravado apenas 4 LPs, eu tinha 3 e uns dois compactos simples. rs.

Eu fuçava as rádios, sempre em busca de suas músicas.  Fui muito criticado pelo meu gosto, mormente pelos meus conhecidos, da mesma faixa etária, já que PS era rotulado de cafona; não era uma música 'moderna'. O preconceito por quem gostava deste ´tipo de música era enorme, havendo atgé quem duvidasse das faculdades mentais dos apreciadores dos chamados músicos cafonas.

Em 1971, comecei a curtir mais músicas estrangeiras, pop , e acompanhei bem a trajetória dos trabalhos solos dos Beatles. Vale ressaltar que sempre gostei dos 4 fab. E continuei a gostar das músicas de Paulo Sérgio.

Gradualmente, fui gostando de rock. Em 1976, me tornei fanático com o estilo, me desenteressando pelo som do Paulo Sérgio. Até nesta época, eu tinha os 9 LPs gravados por ele;vendi, troquei quase todos; fiquei com os dois primeiros, o quarto e o sexto.
Era raro eu escutar discos dele, desde então, a não ser quando eu estava na fossa, ou queria lembrar dos velhos tempos.

Em 1980, ele morre.  Eu compro os terceiro e quinto LP.

Bom, pra quem me dá a honra de acompanhar meus escritos, e, como muitos são de outra geração, certamente não sabem de quem se trata, o citado cantor.

Paulo Sérgio apareceu no mundo musical, ao gravar o compacto, "Benzinho", uma versão de Maurileno Rodrigues, de um sucesso estrangeiro. O ano era 1967. Ainda em 1967, grava seu primeiro LP(na internet dizem que foi em 1968). O disco fez um sucesso estrondoso. Muitas músicas foram tocadas no rádio, sendo o maior sucesso, "Última Canção". E, novamente, discordo das informações virtuais: o compacto simples, com "Última Canção" e "Sorri Meu Bem", foi lançado depois do gravação do álbum, e não antes como é informado.

Ao mesmo tempo que faz muito sucesso, Paulo Sérgio é acusado impiedosamente de ser imitador de Roberto Carlos. E o Rei da Juventude responde com o LP "O Inimitável", de 1968. Mas Paulo, no mesmo ano,aparece com seu segundo disco, que é o que mais gosto. Este disco, penso ser uma obra-prima da música romântica. Enquanto no primeiro LP temos , mesmo com letras românticas, algumas músicas mais agitadas(na época, tinhamos o costume de dizer 'quentes'), no segundo, prima as baladas. E Paulo canta com toda a alma, com toda a sensibilidade rara em muitos cantores. Eu, na ocasião, era apaixonado por uma menina, que morava num bairro próximo. Mesmo o bairro sendo próximo, havia uma distãncia entre nós, e essa distância, esse desencontro, era todo expresso no segundo disco do Paulo Sérgio. E , pra minha tristeza, esse foi o único disco, o qual nunca o vi cantar uma música nos programas de TV, e também nos dois shows que ele fez na minha cidade.

Seus discos tocavam muito no rádio. Ele era uma figura constante nas revistas, fazendo até fotonovelas. Era chamado de 'ídolo das meninas', aparecia em muitos programas de TV.  Ao mesmo tempo era alvo de fofocas e calúnias.  A imprensa o perseguia tanto, que o apresentador Flávio Cavalcanti o defendeu, no seu programa: "É uma injustiça o que estão fazendo com esse rapaz!". Paulo, visivelmente nervoso e chateado, desabafou, falando em traição, difamação... Em 1971, compõe e grava "Minha Vida Só Pertence a Mim", cujo final é assim: "...eu quero só q essa gente, se lembre bem de repente, q a minha vida só pertence a mim!" E ele encerra a melodia aos gritos!
Ele foi perseguido também por um dos programas mais infames já aparecidos na TV brasileira, "Quem Tem Medo da Verdade?", apresentado pelo antipático Carlos Manga, que chamava Paulo Sérgio de imitador barato de Roberto Carlos.  O cantor era chamado(ou intimado?rs) a se apresentar no programa, mas recusava o 'convite', aí Carlos Manga disse algo assim:' PS, vc tem falado q não vem no nosso programa, pq o cachê é baixo, te pagaremos o dobro, então'. Aí, ele foi... rs. Não assisti o programa no dia, mas fiquei sabendo que ele, sabe lá por qual motivo, disse que a cantora Wanderléia já havia mostrado seus seios num programa de TV.  No programa seguinte, a ternurinha aparece, apresentando ao publico um dos irmãos do Paulo Sérgio, que mete o pau nele, dizendo, entre outras coisas, que ele era muito egoísta, não era amigo de ninguém.
Em 1969, Paulo foi parceiro do compositor Eustáquio Sena; parceria que durou apenas no citado ano.  Anos depois, Nelson Motta, numa revista, diz que Paulo Sérgio era o maior mentiroso do Brasil: "Vem mentindo há anos, dizendo que é cantor e que, principalmente, é compositor. Era o Eustáquio Sena que fazia as músicas, que ele assinava". Deselegante e leviano o comentário de Nelson, pois nas seis músicas assinada pelos dois, dá pra perceber quem é quem, qual foi responsável por determinada música, embora Eustáquio Sena fosse , realmente, melhor compositor que Paulo. E PS sempre foi um ótimo cantor e interpréte!  Pouco depois de sua morte, uma colega de serviço, prima de Eustáquio Sena, disse que os dois(Eustáquio e Paulo) sairam no braço, num estúdio, por causa da autoria da música "Minha Madrinha", que seria só de autoria de ES, mas no disco consta Paulo Sérgio e Eustáquio Sena.

E o cantor acabou desaparecendo das revistas, diminuiu bem suas aparições na TV, pararam de críticá-lo, não mais o difamaram. Na verdade, o esqueceram.  Mas , até 1973, com o estouro de "Índia", Paulo continuou fazendo muito sucesso musical.
A moda era usar cabelos grandes. Até mesmo cantores da velha guarda, como Nelson Gonçalves,  eram cabeludos, Paulo , na contramão, deixou seus cabelos curtíssimos, usando ainda ternos branco e xadrês. Naquela época ser cafona era uma grande heresia.
Seu sétimo LP, gravado em 1973, apesar de ser um bom disco, não fez sucesso, pelo menos aqui em BH, não fez. No disco consta "Índia", mas ela já havia estourado antes, em compacto simples.
O oitavo LP toca mais nas rádios, que seu disco anterior, mas não chegou a fazer sucesso, pelo menos se formos comparar com seus trabalhos antigos.  Posteriormente fez sucesso com "Amor tem que ser amor", "Te Amo, te Venero".  Seu décimo segundo LP não fez sucesso.  E, pouco depois de gravar seu décimo terceiro disco, morre de derrame cerebral, logo depois de ter tido uma forte discussão com uma mulher, que dizem que era sua fã, no programa do Bolinha. Ele tinha apenas 36 anos. Seu último disco é ótimo, com letras mais profundas, arranjos de primeira. Algumas letras foram postadas no "Mulher Fatal"(aqui no blog).

Paulo Sérgio foi esquecido pela mídia.  Muitos dizem que tal esquecimento foi boicote, perseguição, até mesmo coisa de gravadoras poderosas.  Será?  Paulo vendia muitos discos. Infelizmente, sua carreira foi declinando.  Ele, no final, estava dando shows em circo. Há quem diga que ele gostava de fazer shows em circo. Será?  Será que ele não tinha saudades dos tempos em que era a maior atração no programa "Os Galãs Cantam e Dançam", apresentado por Sílvio Santos. Será que ele não sentia falta das fotonovelas, das capas de revista, nas quais ele aparecia?  Nesta época, ele parecia até ser uma pessoa alegre. Seu semblante não era triste, como ficou anos após.

Paulo era capixaba, assim como o Rei Roberto. Suas vozes realmente eram muito parecidas.  Havia até semelhança física, estatura quase a mesma.No entanto, PS, no começo de carreira, imitava sim RC(coisa que ele nunca assumiu). É só escutar seu ótimo quarto LP, pra perceber que sua voz mudou, nos seus três primeiros álbuns, sua voz parecia mais com a do Roberto. Mas, a meu ver, Paulo Sérgio cantava melhor que o Rei da Juventude. Tinha  muito mais sensibilidade.  Era mais simpático; eu acho o Roberto Carlos um chato! Paulo imitava o Roberto até mesmo nas vestimentas.  RC teve um caso com Maria Stella Splendore.  Depois disso, PC passou a ser visto, com frequência, em companhia da loura.  Paulo também teve uma namorada chamada Nice. E algumas de suas músicas eram bem parecidas com as do Roberto; só que melhores, na minha humilde opinião.

A vida do cantor daria um bom filme.  Mas, teria que ser um filme imparcial, mostrando mesmo o cantor, o homem Paulo Sérgio, com suas qualidades, seus defeitos, focando aquele que mesmo de guarda-chuva se molhava.  Digo isso, porque PS não foi feliz. Quando estava no auge da carreira, era perseguido, era alvo de fofocas; depois houve a queda, o deixaram em paz, mas o esqueceram. Até mesmo seu fim foi triste, já que a briga que ele teve com essa suposta fã, foi violenta.
Dizem que ele não estava bem, nem financeira e nem sentimentalmente. Separado da mulher, Paulo amava seu filho, o tão sonhado filho, que foi inspiração para ele compor uma música pra sua esposa: "Falta Alguém em Nossa Vida", e uma canção de ninar pro próprio rebento: "Quero Ver Voce Feliz".

Gostaria de destacar também os compositores que passaram pela carreira do saudoso cantor: Sidney Quintela, Nenéo, Alberto Luiz, Maurileno Rodrigues, Eustáquio Sena, Elizabeth, Tony Damito, as duplas "César/Cirus, Clayton/Marco Cesar, Rafa/Gil Carla, mas em especial, Carlos Roberto, que compôs suas melhores melodias, seus maiores sucessos, o autor da famosa "Última Canção". Carlos Roberto era, praticamente um compositor exclusivo do Paulo Sérgio. Que eu saiba , o único cantor que ele compôs, tirante o Paulo, é o Odair José, e foi apenas uma música.

Minhas 5 canções preferidas:  Veja(Sidney Quintela), Não Creio em Mais Nada(Totó), No Dia em que Parti(Carlos Roberto), Ultima Canção(Carlos Roberto), Sou Feliz Morrendo Assim(Sidney Quintela).

http://www.youtube.com/watch?v=jS27-pSSYQ8

http://pt.wikipedia.org/wiki/Paulo_S%C3%A9rgio_(cantor)

58 comentários:

  1. Oi Roderick!!! Perdoe-me pelo sumiço, mas o trabalho tem me consumido nestes dias de ausência. Eu sei da existência de Paulo Sérgio através do meu pai que gostava dos LPs dele. Em casa há alguns desses bolachões antigos deste cantor. Ah e o disco que o filho dele fez é um compactozinho (meu pai tem também).

    Foi bom você lembrar o Paulo Sérgio, porque a memória musical brasileira não é das boas. Sem dúvida ele fez história em seu tempo. Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Oi M., está sumida mesmo! Fiz uma matéria longa, e sumiu quase metade dela. Não sei realmente o q aconteceu. Bem, pelo menos no meu pc, tudo se encerra com ' de 'ido

    Obrigado

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. afirmo sem medo de errar:paulo sergio foi o me
    lhor cantor de sua epoca.adoro esse cara e sua
    linda voz e milhoes de brasileiros lembram dele
    basta entrar no site paulo sergio in memorian
    pra ver o quanto ele e idolatrado.a CBS,junto
    com o nojento do marcos lazaro,empresario de ro
    berto carlos a epoca,se uniram para arrasar com
    a vida de paulo.tenho todos os CDs.maravilhoso!

    ResponderExcluir
  4. nao quero ser leviano,mas nao se sabe ate que ponto vai a participacao de roberto carlos na
    perversa perseguicao a paulo sergio.paulo sergio vendeu em 13 anos de carreira,quase 10 milhoes de discos.o disco volume 11 e barbaro,
    contendo 2 musicas lindas:eu te amo,eu te venero e voce pode me perder e outras muito boas.foda-se a midia!paulo sergio para sempre !

    ResponderExcluir
  5. Seja bem-vindo, anônimo(a)!

    Sobre o lance do Roberto Carlos a respeito do Paulo Sérgio, o músico Lafaiete, há uns anos atrás, num jornal, disse q RC ficou puto quando PS surgiu, daí gravou "O Inimitável". RC gosta de dar uma de bom sujeito, mas... Até hoje suspeito, não também querendo ser leviano(rs), q Alberto Luiz compôs "Você Não Presta", em 'homenagem' a RC. E suspeito igualmente, q PS e RC não gostavam nem um pouco um do outro. A foto deles abraçados é pura hipocrisia!

    Paulo Sérgio, de muitos anos pra cá, é o único cantor brasileiro q tenho discos. Tenho do vol. 1 ao 14(em vinis e mp3) e a coletânea "Me Ajude a Morrer" em vinil. Opa, minto, tenho o compacto simples, "Procurando Juliana", do Tony Damito; produzido por quem? Paulo Sérgio, claro!

    Sobre ele vender muitos discos, isso sempre foi verdade e muito falado, até mesmo quando ele estava esquecido pela mídia.

    Agora, o volume 11 é muito (bem) falado, fez sucesso, mas , pra mim, Paulo gravou discos melhores q ele.

    Meus preferidos(em ordem de preferência):

    Vol 2
    Vol 1
    Vol 4


    Empatados
    Vol 3
    Vol 6
    Vol 13
    Vol 14

    Depois fico com o Vol 8


    E acho o Vol. 10 disparado o mais fraco,deixa a desejar.

    ResponderExcluir
  6. atraves do site de suely coutinho paulete,ex
    dancarina de paulo sergio,soube que roberto carlos,mandou uma coroa de flores para o velo
    rio de paulo e que dizia o seguinte:meu coracao
    esta de luto,pois morreu meu grande idolo.
    ela disse tambem que paulo jamais falou mal de
    roberto e que ambos nao eram rivais.o que sei e
    que para mim,paulo foi melhor cantor.

    ResponderExcluir
  7. Eu sabia, desde a época de sua morte, q RC havia mandado uma coroa de flores para o velório, mas não sabia dos dizeres, como 'meu grande ídolo'.

    Abraço

    ResponderExcluir
  8. roderick,meu nome e fabio lima,e lendo e relen
    do o texto sobre paulo sergio,de fato,nos 3 pri
    meiros discos ha uma semelhanca vocal em algu
    mas passagens.no quarto LP vejo o paulo sergio
    verdadeiro.basta escutar agora quem parte sou
    eu.a partir disso,parece ser outro cantor,mui
    to superior a roberto carlos.uma ressalva:
    vendeu 10 milhoes de compactos e 3 milhoes de
    discos ate a data de sua morte.tenho toda a obra do pink floyd e assim como voce,sou um
    fa apaixonado do cantor paulo sergio.suas le
    tras sao muito mais profundas e inteligentes
    que as de roberto carlos.sou musico e sempre
    toco as cancoes dele com o meu grupo.
    parabens pelos belos comentarios a respeito
    desse inesquecivel cantor e continue este tra
    balho que tanto nos honra e engrandeçe.

    ResponderExcluir
  9. Muito obrigado, Fabio. O Paulo era um senhor cantor, injustiçado sim, muito mesmo, mas alguns como vc soube dar o valor q ele merecia. Há poucas horas atrás mandei uma mensagem pra minha amada, "A Distãncia ingrata para uma ingrata". Só mesmo PS poderia gravar uma música assim, eu penso; mais uma composição do grande e tb saudoso Carlos Roberto.

    Olha, e se vc gosta, me desculpe, mas essas músicas sertenejas atuais são de me dar vòmitos.

    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Alguns sites erroneamente dizem que Paulo Sergio havia falecido em 1981, deve ser por causa do Lp Volume 14 que foi registrado como se fosse gravado em 1981,01 ano depois de sua partida,logo essas musicas não são de 81, porem a gravadora Copacabana não teve o cuidado de registrar o ano em que foram gravadas as faixas do Volume 14.

    ResponderExcluir
  11. Seja bem-vindo, Daniel.

    Eu, mesmo aprendendo muita coisa na internet, já percebi muitos erros, como esse q vc acabou de falar, e como eu disse no meu humilde texto, e digo mais não acredito q Rafa e Gil Carla sejam Paulo Sérgio e Carlos Roberto. Mas, se forem, paciência... O q importa são as grandes músicas q ele nos brindou, q mesmo eu, amante de rock como sou, as posto... Não sei se vc notou.rs

    Abraço

    ResponderExcluir
  12. amigo roderick,quanto tempo nao me reporto a
    voçe! sou fabio lima,apaixonado pelas musicas
    do cantor paulo sergio.desculpe-me pela ausencia,mas o trabalho nao permitiu meu retorno tao cedo.ja te falei antes,esse teu blog e espetacular.muita cultura,coisas profun
    das,sagacidade e perspicacia.continue assim.
    para os que nao gostam,fodam-se !

    ResponderExcluir
  13. Prezado Fábio, eu estava preocupado com seu sumiço. Um dos grandes inconvenientes do mundo virtual, é q muitas vezes pessoas q admiramos somem de repente, e não sabemos o motivo do desaparecimento. No seu caso, cheguei até a pensar q vc já não gostava mais do meu blog(rs).

    Fico muito contente com sua volta e por saber q vc está bem,com saúde.

    Muito obrigado pelos elogios, pela gentileza.

    Apareça sempre!

    ResponderExcluir
  14. oi amigo estou aqui por motovos serios voce esta de parabens pelo seu lindo trabalho mas estou aqui para fazer uma denuncia onten postando un video para uma de minhas paginas me depaei com uma cena horrorosa vi pessosa que nada tem a ver com paulo se intitularem como filha que coisa feia depois que paulo morreu aparecerao uns mil filhos e todos sabemos que o unico filho de paulo e o rodrigo e provavelmente a prima da cantora simony e o pior e que se apresentao como familia macedo e todos sabemos que familia macedo era dona ilda mae de paulo que tambem morreu seus irmaos e fora eles a unica familia macedo embora a odeio e rakel sua ex mulher e seu unico filho e o rodrigo se nao fosse assim ele teria cantado en vez de meu filho deus que lhe proteja ele teria cantado meus filhos ne o que estao fazendo e rediculo pessoas sem qualidades nenhuma querendo se promover as custas de quem teve uma vida tao curta un homem que sofreu por ser verdadeiro e integrofoi vitima de pessoas falsas como sua ex mulher e amigos que numca vi do seu lado. obrigado pelo espaco suely coutinho paulete ]india\ embora estou loura vou ser sempre a india de paulo sergio beijos mil e ate.

    ResponderExcluir
  15. Suely. Seja bem-vinda!

    Vc tocou num assunto muito polêmico, q sempre me deixou muito pensativo. No enterro do Paulo, segundo a imprensa, suas duas outras filhas estiveram presente. Bem, pelo menos da lourinha, menor de idade, na época, sei q ele assumiu a paternidade. Espero q vc não leve a mal o q vou dizer, q não fique com raiva, mas creio q PS cometeu um grande erro em se envolver com uma garota menor de idade. Vi no orkut uma de suas filhas, Jaqueline, q tb é cantora. Não estou mais bem certo, se a outra filha aparece no orkut ou em público. A impressão q tenho, e posso estar enganado, é q Paulo não ligava para as suas duas filhas, pelo menos sentimentalmente falando, e suspeito q ele não levava suas mães a sério, creio q elas não foram importantes para ele. Cheguei até a postar aqui, sobre a Marlene Cavalcante, q diz q PS foi o maior amor da sua vida. Podemos até ter um amor maior de nossas vidas, mas eu, particularmente, quando não sou correspondido, me desgosto da pessoa, o amor acaba. Tudo isso é muito estranho mesmo!

    Ouvi falar tb e isso está na certidão de óbito do cantor, q ele tinha outros filhos, além dos três mencionados.

    Vc foi dançarina em seus shows, não?
    Não consegui entrar em seu site.

    Muito obrigado pelo comentário e apareça sempre!

    Tudo de bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. boa tarde ,estou aqui para deixar um forte abraço ,trabalhei com paulo sergio ate o ultimo dia de sua vida ,quanto aos filho de paulo realmente so conheci rodrigo,e agora que estoun com um video novo no youtube a jaqueline,mas como voce diz paulo nunca gostou e nem se quer comentou sobre estes filhos ,que realmente tenho certeza que não tinha nenhum significado pra ele,so achei muita cara de pau da jaqueline dizer que é cantora e quere se promover nas custas de paulo ,enquanto isso vou te contar algo serio ,voce sabe que o filho de paulo rodrigo esta em fase terminal com uma doença horrivel ,que so deus pra ajudar ele ,e ainda esta na miseria prostado numa cama é uma doença que da no cerebro e a pessoa vai definhando ate a morte ,odeio a mãe dele a raquel pois vi com meus olhos o quanto mal ela fez a paulo ate o episodio da band que mandou oneilda sua amiga fazer aquilo com paulo que resultou em sua morte se quiser falar comigo tenho blogs e site vou te passar o meu site o resto e so procurar no google que voce me acha meu site e entrounoarositeoficialdesuely.blogspot.com sera um prazer falar contigo ou por email é suelycoutinhopaulete1@live.com beijos mil

      Excluir
    2. boa tarde vou deixar o endereço do meu site e entrounoarositeoficialdesuely.blogspot.com e meu email principal e suelycoutinhopaulete1@live.com beijos tenho que te dizer o rodrigo filho de paulo sergio esta en estagio terminal e sem nenhum dinheiro para tratamento espero contar com sua ajuda para arecardarmos dinheiro pra cuidar dele ,porque aquela bruxa da mãe dele a raquel tudo que ela passasar e pouco beijos mil suely coutinho paulete

      Excluir
    3. Bom dia amigo tudo bem,vi que mudou um pouco sua entrevista mais esta legal ando super atarefada ,meu site é entrounoarositeoficialdesuelyblogspot.com

      Excluir
    4. Oi Suely. Não entendi. Desculpe demora em responder, é que estou morando na roça e com muita dificuldade em usar internet.

      Excluir
  16. Querido
    Acho que poderia sim virar um filme documentário, afinal, até mesmo o Simonal teve um, mas vamos aguardar que alguém tenha interesse.

    ResponderExcluir
  17. E se o filme um dia existir, vai dar dor de cabeça e briga pra muita gente.

    Obrigado, Katia.

    ResponderExcluir
  18. paulo sergio e meu idolo e mereçe todo respeito.nao se encontra aqui para defender-se.
    prefiro acreditar no que suely fala,pois ela
    conviveu muito com ele.paulo era humano e deve
    sim,ter cometido os seus erros.prefiro ouvir
    suas cançoes,que amo com mais intensidade.
    prefiro saber que tinha qualidades,com por exem
    plo,ser muito educado.abraços,fabio lima

    ResponderExcluir
  19. Mas ai é q tá, Fabio, no site da sua esposa ela fala q ele era ignorado por seus pais, q ele não era pai das suas filhas, antes do Rodrigo, fato, q segundo ela ele confirmava: não era pai dessas crianças. E em sites e no orkut, essas mães, principalmente a Marlene,afirma q tiveram um romance. Eu, não estou do lado do cantor, nem da sua ex esposa e nem das outras q alegam terem tido filhos com ele, mas, minha natureza, tem curiosidade a saber mais a respeito de um artista q sempre admirei. No entanto, creio q nunca saberei a verdade. Cada um vê o seu lado.
    E se formos acreditar no q a Suely diz, a mulher do Paulo não vale nada. Então, temos q ser prudente pra não tomarmos conclusões precipitadas.

    Espero q tenha me compreendido, e q continue a opinar por aqui.
    Muito obrigado.

    Abraços

    ResponderExcluir
  20. fique tranquilo,pois te respeito e te admiro,
    mas lembre que quando oneida o ofendeu na saida
    da tv bandeirantes,paulo gritou para todos ouvirem,que sabia que ela o ofendia a mando da
    sua ex-mulher.a imprensa estava presente e registrou o fato.mas agora isso pouco importa,
    ja que ela nao foi punida.prefiro lembrar dele
    como cantor e de sua amizade. fabio lima

    ResponderExcluir
  21. Fabio, primeiramente, peço desculpas por só liberar e responder seu comentário agora, pois desde ontem, pouco depois dos nossos contatos, minha conexão caiu, só voltando agora.

    Isso q falo, é muita polêmica, com cada um vendo o seu lado. Não sei se disse isso nos meus posts, creio ter dito, mas é tanto post, e a idade... rs

    Pouco depois de sua morte, no programa do Silvio Santos, creio q Cidade contra Cidade, a tarefa era apresentar a mulher q brigou com PS antes da sua morte. Ela, visivelmente, abalada, culpou só a ele. Achei um absurdo, pois ela disse q a assim q terminou sua apresentação no programa do Bolinha, sua empregada(empregada dela), se ajoelhou aos pés do PS, q ainda debochou dela(da empregada), e começou a paquerar a Oneida, q disse q era casada. A Oneida falou com ele, fico com ela(sua empregada), Paulo, segundo Oneida, disse q a moça não era seu tipo, seu tipo era Oneida, q disse ser casada. Ele, questinou ela estar sem aliança, ela não me lembro mais qual argumento usou, justificou a falta da aliança, Paulo insistiu, ela não o quis, e ele passou a onfendê-la, aí ela disse q preferia Roberto Carlos do q ele. E, concluindo a entrevista, disse: "Onde quer q ele esteja, ele tem consciência q o único culpado por tudo foi ele".
    Meu caro, Fabio, o Bolinha, estava no juri, do citado programa, olhando com uma cara de desconfiança pra tal da Oneida, q... bem dá pra entender. Olha, evidente q ela mentiu. E poxa, ela era muito feia. Será q PS chegaria a um ponto de cantar uma mulher assim?

    E se for mesmo q foi a mando de sua mulher, está provado q ela(sua mulher) não vale nada.E a Oneida tb claro.

    ResponderExcluir
  22. roderick,entre no google com o titulo:
    seculo diario espirito santo sobre paulo sergio
    voçe encontrara um texto de maciel aguiar,reno
    mado jornalista capixaba,sobre tudo o que fize
    ram contra o cantor paulo sergio.
    do amigo,fabio lima

    ResponderExcluir
  23. entendo tua preocupaçao de esclareçer os fatos.
    eu mesmo,entrei em contato com a india,dançari
    na de paulo,que mantem o que disse.
    paulo tinha defeitos e qualidades,porem,jamais
    saberemos ao certo quem tem razao.
    nada disso trara paulo de volta.
    exagerei ao dizer que roberto tem culpa,peço
    desculpas,porem,paulo incomodava muita gente.

    ResponderExcluir
  24. e hoje,com paulo vivo,isso nao mais ocorreria,
    pois ambos estariam brilhando.
    leia o texto de maciel aguiar,e entao,entende
    ras.paulo se tornou um homem triste,pela safa
    deza de parte da imprensa,porem,vejo,ainda hoje
    o quanto paulo e amado,nao somente por nos dois
    mas por muita,muita gente,o cara sofreu,mas ti
    nha personalidade,fabio lima

    ResponderExcluir
  25. Caro Fábio, isso do seu exagero faz parte, eu , cá entre nós, nunca achei q Roberto Carlos foi santo. Inclusive, creio q escrevi num desses posts, ou se não escrevi, relato uma entrevista q li com o músico Lafaiete, q disse q RC ficou preocupadíssimo, puto mesmo com o surgimento de PS, a qual Lafaiete, se refere como um imitador; por isso gravou "O inimitável", mas , segundo o proprio Lafaiete, RC ficou mais preocupado ainda com o o surgimento de RonnieVon, "q era galã e tal...", no entanto, o puxa-saco(o Lafaiete) diz, ora Roberto é Roberto...

    ResponderExcluir
  26. Vou olhar o site sim, Fábio. Ele foi perseguido,sim, até o Flávio Cavalcanti disse isso.

    ResponderExcluir
  27. amigo,desejo-te um belo natal e um 2012 com paz
    e saude.admiro voçe e teu belo trabalho,pois gosto de muitas das coisas que gostas,em espe
    cial do cantor pauo sergio,a quem escuto sempre
    Paulo sergio vol.9 e meu preferido atualmente.
    seja feliz cara,e saiba,temos sorte de ter um cara como voçe,fazendo este lindo trabalho.
    do seu amigo e admirador,sempre,fabio lima

    ResponderExcluir
  28. Prezado Fábio,

    Sempre é bom vê-lo por aqui. Espero que continue a aparecer,com mais frequência(rs).

    Também escuto sempre Paulo Sérgio. A minha preferida no vol. 9 é "Só Hoje", de pois "As Aparências Enganam".

    E se vc ainda não adquiriu os vol.13 e 14, adquira, meu caro, são ótimos.

    Muito obrigado pelos seus elogios, muita gentileza de sua parte.

    Te desejo também um ótimo natal e um próspero ano novo, e a todos também da sua família, que o cercam.

    Tudo de bom!

    ResponderExcluir
  29. nao consigo o vol.13,nao encontrando em lojas de discos e nem pela internet.A unica musica que eu conheço e O QUE MAIS VOÇE QUER DE MIM,
    que tem um belo arranjo.musica de manuel nenzi
    nho.me faltam os vols.4,6,8,10,13 e 14 e tenho
    os vols.1,2,3,5,7,9,11,e algumas coletaneas.
    concordo:o volume 2 e de arromabar a boca do balao.abraços de fabio lima

    ResponderExcluir
  30. Pô, Fábio, falta muita coisa! Pena q vc não tem e-mail, e nem sempre vem por aqui, pois eu poderia pesquisar e te mandar os links. Creio que se vc pesquisar, consegue todos os discos do Paulo Sérgio , em mp3. Cara, O Que mais vc quer de mim, é uma linda canção, mas, pro meu gosto, é uma das piores do vol. 13... e o volume 14... fã que é fã do PS, não pode ficar sem esses discos.

    ResponderExcluir
  31. Sebastião João Mendes6 de janeiro de 2012 15:55

    Roderick, você escreve muito bem. Paulo Sérgio foi um grande cantor. Foi injustiçado pela mídia e merece ser lembrado. Teve mesmo uma vida curta... Gostaria que os jovens desta geração podessem conhecê-lo.

    ResponderExcluir
  32. Caro Sebastião, vc me superstimou,mas que o homem cantava e como! Um grande cantor que nunca vou parar de escutar. E como vc disse, penso que não só os jovens, outros, deveriam escutá-lo. Muito injustiçado. Qualquer que se apaixonasse por uma mulher, jamais ficaria indiferente às músicas do Paulo Sérgio.

    ResponderExcluir
  33. OI AMIGOS , HOJE DIA 29 DE JULHO FOI O ANIVERSÁRIO DE MORTE DO GRANDE E INESQUECIVEL PAULO SERGIO. PELO QUAL EU PUDE ACOMPANHAR, COM MEU PRIMO MAURILENO RODRIGUES... QUE LEVANTOU E AJUDOU MUITO A ALAVANCAR O COMEÇO DA CARREIRA DO NOSSO GRANDE PAULO SERGIO ... MAURILENO FEZ 25 MUSICAS PRA PAULO E TENHO ALGUMAS INÉDITAS QUE ERA PARA O PAULO GRAVAR ....ABRAÇÃO A TODOS. MARCIO RODRIGUES.

    ResponderExcluir
  34. abração a todos os admiradores de paulo sergio,hoje 29 de julho fez 32 anos da passagem do nosso querido paulo sergio... eu tive o prazer de conhecer paulo sergio junto com meu primo compositor maurileno rodrigues... que deu uma grande guinada na carreira do nosso saudoso ps, com várias musicas de sucesso ... abração a todos...

    ResponderExcluir
  35. OI AMIGOS , HOJE DIA 29 DE JULHO FOI O ANIVERSÁRIO DE MORTE DO GRANDE E INESQUECIVEL PAULO SERGIO. PELO QUAL EU PUDE ACOMPANHAR, COM MEU PRIMO MAURILENO RODRIGUES... QUE LEVANTOU E AJUDOU MUITO A ALAVANCAR O COMEÇO DA CARREIRA DO NOSSO GRANDE PAULO SERGIO ... MAURILENO FEZ 25 MUSICAS PRA PAULO E TENHO ALGUMAS INÉDITAS QUE ERA PARA O PAULO GRAVAR ....ABRAÇÃO A TODOS. MARCIO RODRIGUES.

    ResponderExcluir
  36. Caro Marcio,

    Fico muito contente em te receber no meu humilde blog.
    E , veja só, me esqueci da data da morte do cantor. Por coincidência, minha ex-mulher aniversaria no mesmo dia, e também havia me esquecido...

    Vc diz que Maurileno fez 25 músicas para o cantor, eu só conheço 15, 13 de parceria com PS , uma com o Fernando Sanxo e a versão de Benzinho.

    Vc também é compositor? Ou as canções inéditas, são do seu primo, e não entendi direito?

    Há aproximadamente um mês, me deparei com um sujeito, num site em homenagem ao Paulo Sérgio, que disse que conhecia o Maurileno. Lhe mandei um e-mail, perguntando se ele sabia o motivo da parceria deles ter terminado. Ele respondeu que a parceria acabou, devido a esposa do Paulo. Achei estranho, pois Paulo conheceu a Raquel em 1971, sendo que a parceria com Maurileno terminou em 1970. Eu sempre suspeitei que os dois se desentenderam. Li , no orkut, que Maurileno foi secretário de PS, e que a Oneida, aquela que brigou com o cantor, antes da sua morte, trabalha para ele...

    Vc poderia me dizer o que foi que, realmente, aconteceu para a parceria terminar?

    Muito obrigado pela sua presença.

    Apareça sempre!
    Abraços

    ResponderExcluir
  37. ainda hoje,paulo sergio vende muitos discos e continua encantando e
    apaixonando a milhoes de brasileiros.eu,sempre falo sobre ele para
    muitos que conheço ao longo do caminho.quando estou no meu carro com
    mulheres,sempre ponho as musicas dele para serem ouvidas.
    EU NAO SEI,EU NAO SEI,EU NAO SEI,e a cançao que mais escuto e para
    mim,ele e o melhor cantor brasileiro dentre todos que ja escutei.
    fazia tempo roderick,que nao visitava teu site,contudo paulo esta na
    memoria afetiva de milhares de ouvintes.abraços de Fabio lima

    ResponderExcluir
  38. Oi Fabio. Senti sua falta. Até fiquei preocupado de ter lhe acontecido algo ruim, ou que vc tenha visto coisas no meu blog que não tivesse gostado.
    Espero que esteja tudo bem contigo.

    Pra mim, ele é disparado o melhor cantor brasileiro. Tanto que PS é o único que tenho a coleção de discos, em vinil e mp3.

    "Eu não sei..." é sua canção predileta dele? Quais são suas preferidas? Vc faria uma lista de cinco, como fiz, ou mais? Ou vc não sabe?rs

    Uma coisa que descobri há aproximadamente um ano: o Carlos Roberto, em 1968 escreveu duas músicas que foram gravadas pelo cantor José Roberto. Vc se lembra dele? As músicas: "Amor Correspondido" e "Foi a Saudade". E elas tocaram bem no rádio. Creio que depois disso que Carlos Roberto se tornou um compositor exclusivo do Paulo Sérgio.
    Fico imaginando as canções citadas na voz do Paulo, já que ele tinha a voz bem mais expressiva, forte e mais também sensibilidade que o José Roberto, o mesmo José Roberto que gravou "Benzinho", o primeiro sucesso do saudoso cantor. Vc já ouviu "Benzinho" com o José Roberto? O arranjo da canção é praticamente igual, mas a interpretação, a voz de Paulo Sérgio , é bem superior , na minha opinião.

    Grato pelo comentário.

    ResponderExcluir
  39. NAO CREIO EM MAIS NADA,ULTIMA CANÇAO,FIZ,EU NAO SEI,EU NAO SEI,EU
    NAO SEI E EU TE AMO,EU TE VENERO estao entre as que eu mais gosto.
    todavia eu adoro as musicas contidas nos vols 1,2,3 e 4.
    nao e facil escolher, pois paulo escolhia a dedo as musicas que gra
    varia.JOSE ROBERTO gravou SILVIA LETICIA E OUTRAS DE QUE GOSTO,mas
    nao conheço ele cantando BENZINHO.outra que ele gravou,muito linda e
    minha predileta foi PERTO DOS OLHOS,LONGE DO CORAÇAO que fez um suce
    sso estrondoso.obrigado pela preocupaçao,grande abraço,FABIO LIMA

    ResponderExcluir
  40. Vc conhece o José Roberto. As músicas que te citei, as três, pelo menos até pouco tempo, encontrávamos no you tube.

    Que eu me lembre, o maior sucesso de José Roberto foi "Lágrimas nos Olhos", de autoria do Ralzito, o Raul Seixas. Eu achava estranho, pois o José Roberto não era de se apresentar em programas de televisão. Mesmo com o estrondoso sucesso de "Lágrimas nos Olhos", ele apareceu em muitos poucos, mas muitos poucos mesmos canais de TV,e bem antes disso,se casou com uma chacrete, uma loura, bonita, gostosa, se não me engano , seu nome era Angélica.

    Gosto muito de EU Não sei, eu não sei...,mas vc é a primeira pessoa que cita ela entre as preferidas. Gosto muito da introdução, com a orquestra, acho melancolica,e repete o refrão, eu não sei, eu não sei... A letra é incrível: "vc um dia disse que me amava, e eu , pobre coitado acreditei..." Já postei ela aqui,não sei se vc viu.

    ResponderExcluir
  41. Outra coisa, os quatro que vc citou- foi mesmo a melhor fase do cantor, quando ele tinha muito glamour. Eu vivi essa época... Mas, já te falei isso, Fábio, os volumes 13 e 14 são do mesmo nivel. Parece que vc ainda nos o conhece, não é?

    ResponderExcluir
  42. a respeito dos volume 13 e 14,eu nao os tenho,porem conheço algumas
    musicas,e concordo quando dizes serem boas cançoes,que dariam por
    certo,o lastro necessario para paulo voltar a arrombar a boca do ba
    lao.o que acho incrivel,e um cantor com uma carreira tao curta,de
    1966 a 1980,ter feito tanto sucesso e com diversas cançoes.
    assim como voce roderick,ha milhares de amigos que amam as musicas
    desse cantor tao querido e jamais esquecido.

    ResponderExcluir
  43. Talvez vc não goste de baixar em mp3. Os dois tenho em mp3. A meu ver, do vol. 6 pra cá, os volumes 13 e 14 são os melhores discos do cantor.

    Infelizmente, os dois álbuns não fizeram também sucesso aqui em Belo Horizonte. Uma tremenda de uma injustiça. Dos 14 LPs do PS, apenas os volume 7,12,13 e 14, não fizeram sucesso por aqui. A maioria de seus compactos simples também fizeram grande sucesso.

    Saudações!

    ResponderExcluir
  44. Olá, achei interessante seu histórico cultural. Eu faço blog pessoal também. Atualmente escrevo sobre o Paulo Sergio: dê uma olhada: http://brazil-1970s.blogspot.com.br/2013/09/paulo-sergio.html

    ResponderExcluir
  45. Não acredite em tudo que essa Paulete ex-dançarina de paulo sérgio fala. Paulo Sérgio e Roberto Carlos não se davam bem. Vi num programa de televisão PS afirmar que foi a um show de RC e depois foi visitá-lo no camarim. Roberto não o recebeu. Então ele disse que Roberto não gostava dele nem ele de RC. Quanto à filha Jaqueline, basta olhar seu rosto para se notar que ela é filha de Paulo Sérgio.

    ResponderExcluir
  46. Oi Anônimo. Há muito tempo, deixei um comentário no site desta, que se diz ex-dançarina do PS. O comentário ficou parado durante muito tempo, aguardando moderação. Tempos depois, ela apagou, nem publicou meu comentário. E ele não foi ofensivo. Eu, simplesmente, disse o que sinto a respeito, de coisas que sei a respeito do cantor.

    Eu não sabia disso , do que vc acabou de dizer, mas acredito.
    O encontro casual que Paulo e Roberto tiveram nos anos 70, pra mim, eles foram apenas cordiais um com o outro. E eu notei que o que mais estava alegre era o Paulo, que até chegou a encostar seu cotovelo no ombro do Roberto.

    Segundo o músico Lafaiete, Roberto ficou furioso e preocupado com o surgimento do PS, por isso gravou "O Inimitável". E Lafaiete disse também que RC ficou mais preocupado ainda foi com o Ronnie Von... E Ronnie declarou que já quis se encontrar com Roberto, que nunca quis recebê-lo.

    Tenho fortes suspeitas que a música composta por Alberto Luiz, "Você Não Presta", gravada por Paulo Sérgio, é uma "homenagem" ao Roberto Carlos.

    Os fãs mais afoitos do PS, criticam muito o Erasmo, porque ele assumiu que não gostava de PS, mas acho o "tremendão" bem mais autêntico do que o "Rei", que fica dando uma de gente boa, que não ataca ninguém, mas é cheio de estrelismo, um falso, no meu modo de pensar.

    Sobre a Jaqueline, li num site da ex-esposa do cantor, que Paulo falou que não era pai nem da Jaqueline , nem da outra, que foi concebida por uma menor de idade. De acordo com a mulher do cantor, Paulo disse que Marlene(a mãe da jaqueline) era namorada do irmão dele.

    O caso é confuso, a vida do cantor foi turbulenta, daí, não sei em quem acreditar.
    Se tiver curiosidade, leia outro post, que fiz, sobre o cantor: "Um Cantor , Um Homem Polêmico".

    ResponderExcluir
  47. Para quem tem todos os lps,dá para notar as diferentes fases da carreira do cantor.Depois do vol 8,multicolorida da um sinal ruim sobre drogas.

    ResponderExcluir
  48. É, "Multicolorida" é sobre drogas, do efeito nocivo, terrível delas.

    ResponderExcluir
  49. Pode mandar noticias sobre os filhos de Paulo Sergio??
    Quero saber como está o Rodrigo e a Paula Mara?

    Att

    ResponderExcluir
  50. Minha memória falha... depois da sua pergunta, fui conferir no google, e não achei mais nada. Os sites do cantor estão parados. Mas, li, há tempos , não posso te dar certeza, que a Paula Mara tinha morrido(se não foi ela, foi sua mãe). E o Rodrigo, infelizmente, a última notícia que tive é que ele esta bem doente, com uma doença degenerativa. Uma pena!

    ResponderExcluir
  51. Roderick Verden, sou pesquisador da vida de Paulo Sérgio do curso de História da Universidade Estadual do Ceará. Queria trocar uma ideia contigo sobre o cantor, pode ser? Teu relato mostrou as intrigas e as controvérsias do esquecido PS,se garantiu.Quanto a monomania, tenho isso por música também e frases de efeito. Passei anos repetindo "Thank you Dr.Freud" frase que vi no filme "Freud além da alma". Vlw espero contato. https://www.facebook.com/frederico.ozanan.7

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seja bem-vindo, Texarkana. Desculpe a demora em te responder, é que estou morando na roça , tendo muita dificuldade devido as falhas na conexão da internet. Não tenho facebook, mas se vc quiser, deixe seu e-mail. Não o publicarei, mas entrarei em contato contigo.

      Excluir

Todos os comentários serão respondidos.